15 setembro, 2014

[Resenha Crítica] Herói

É preciso um motivo para descobrir a coragem.


Créditos na imagem


Título Original: Herói
Autora: Emerson Dantas e Pimenta
Gênero: Fantasia/ Literatura Infanto juvenil
Número de páginas: 213
Editora: Buriti
Ano da publicação: 2013


Sinopse: ”Em uma quarta-feira qualquer a vida pode se transformar completamente. No que parecia ser um dia comum, a história de Eric muda de forma inexplicável. Sendo apenas mais um em meio a tantos, com sua família normal, os mesmos amigos de sempre, e as inseguranças de qualquer adolescente, Eric sofre um acidente e quando desperta se vê em um lugar completamente estranho. Não há nada ao seu redor que faça sentido. Nada familiar. É quando ele decide se levantar e procurar uma maneira de voltar para casa, encontrando pessoas, perigos, amigos, inimigos, o amor; situações fantásticas que mudarão completamente o seu destino.”


Embora Emerson, advogado e estudante de Letras, tenha contos publicados em mais de doze antologias nacionais, este é seu primeiro.


Escrito de maneira singela e agradável, com toques de humor muito bem dosados, o livro conta as aventuras de Eric, um garoto comum de Minas Gerais (cidade natal do autor). Como todo adolescente, Eric tem seus hobbies preferidos, é viciado em doces, se dispersa durante a aula (apesar de ser um bom aluno),  um grupo pequeno de amigos e um amor platônico. E é claro, medos. Eric teme acima de tudo passar despercebido pelo mundo. Sabe que todos tem potencial para alguma coisa e que com ele não é diferente, mas receia deixar a chance de mostrar do que é capaz passar.
Numa quarta-feira qualquer, Mariana, sua amiga e paixonite desde a terceira série, oferece uma carona aos amigos com o carro que roubou do pai. No caminho de volta para casa eles sofrem um acidente. Eric acorda em um lugar bonito e completamente estranho, cria teorias sobre seu paradeiro e decide sair a procura de respostas. Então conhece Elli, princesa deste lugar estranho que o conquista imediatamente. Ele também a cativa com suas roupas e modos estranhos. Porém, pela mesma razão, Eric é aprisionado a mando do Rei.


Apesar do confinamento o garoto e a Princesa aproximam-se, mudando os rumos da estória. Juntos os dois viverão aventuras além de tudo o que Eric imaginou. Ele terá a sua chance de ser um herói.


A narração em terceira pessoa torna possível que nos aproximemos de diferentes personagens a medida que suas estórias são apresentadas. O autor soube traçar paralelos e apesentar flashbacks sem tirar a fluidez da narrativa, estes elementos contribuíram para a boa construção das personagens.


Durante o enredo diversos temas, como amizade, amor verdadeiro, a busca por um motivo que impulsione a viver e dificuldade de sentir-se incluído, são abordados de forma despretensiosa, geralmente deixando que o leitor os absorva.


Herói é uma leitura agradável e envolvente, podendo ser lido muito rapidamente. Vale a pena prestigiar o trabalho de Emerson e conhecer Eric e companhia em suas aventuras.


+ Reflexão: É preciso um motivo para descobrir a coragem.


Relacionar a coragem com grandes feitos é comum. Basta ter um motivo que desperte nossa coragem, agir por algo que nos inspire por mais que isto não seja muito lógico ou nem mesmo altruísta, mas que nos impulsione a superar barreiras. Não é preciso lutar por uma causa grandiosa para ser corajoso.


+ Quotes do Livro Herói:

"Porque para conseguir não basta querer. Tem que acreditar e agir. Colocando a frente de tudo o sentimento. E não ter medo de errar. E se errar, não ter medo de aceitar"


"Nunca existirá uma única escolha diante de nada, ou então não será uma escolha e sim uma imposição. A diferença é que talvez a outra atitude a se tomar exigirá muito mais de você, seja mais força, mais empenho, ou com certeza mais coragem!"


+ Curiosidade:

Em cada capítulo, a uma frase inicial. Juntas elas formam um poema:
“ Numa quarta-feira comum tudo pode se tornar novo, e assustador.
Mas o que não quer dizer que venha a ser necessariamente ruim.
Pois em qualquer lugar no universo, se for dado ao amor chance dele florescer sinceramente em qualquer das suas formas.
Seja a paixão, ou a amizade, não há sentimento ruim que não se torne aceitável.
Não há dor que não pare.
Não há decisão que se torne difícil.
Não há medo que não fuja.
Pois está é a fórmula para se sentir em casa.
Não requer atos grandiosos, sacrifícios ou combates.
Mas requer coragem, compaixão, e mais um pouco de coragem.
Porque para conseguir não basta querer, tem que acreditar e agir.
Colocando a frente de tudo o sentimento.
E não ter medo de errar. E se errar, não ter medo de aceitar.”
(Achei isso super legal!)


+ Avaliação:

Nota: Não poderia deixar de observar que a editora falhou ao deixar passar alguns erros na impressão.

8 comentários :

  1. Ainda não conhecia o livro, mas adorei os quotes escolhidos.
    Leria a obra com certeza.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou da resenha, Leticia =)
      Beijos

      Excluir
  2. Oi linda, tudo bem?
    Eu já conhecia esse livro através de outras resenhas que li sobre ele. Todas as resenhas que li foram super positivas, todo mundo gostou bastante do livro.
    Fico feliz que você tenha gostado da leitura, eu achei a sinopse dele bem interessante e a capa está bem bonita também!
    Achei interessante e diferente essa coisa das primeiras frases formarem um poema!

    Beijão ;*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mai ^^
      Gostei muito desse lance das frases no inicio de cada capítulo, muito criativo!
      Espero que a resenha tenha despertado seu interesse pelo livro.
      Beijos

      Excluir
  3. Oi Pétala!
    Não conhecia o livro, achei bastante interessante.
    Adorei sua resenha, muito bem argumentada.
    Beijos

    Li
    literalizandosonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fui eu quem escreveu a resenha, Aline haha'
      Obrigada, fico feliz por você ter gostado =)
      Beijos

      Excluir
  4. Oi Pétala,
    não conhecia o livro, mas me senti muito atraída já! Quando sua resenha começou, achei que a história fosse tomar um rumo diferente do que você falou, e esse é um dos motivos que me fará ler o livro em breve e conhecer, aparentemente, mais uma bela obra nacional :)
    Beijo,
    entreeleitores.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que a resenha teve este efeito em você! Eu fique surpresa com o desfecho do livro, nem tudo aconteceu como eu esperava e isso foi bem legal. Quando ler passa aqui para nos contar o que achou ;)
      Beijos

      Excluir

Seu comentário é muito bem vindo.
Leia , pense, se expresse!